segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Um Dia Sem Carne: O Planeta Agradece!



Ao contrário do que muita gente imagina, a palavra vegetariano vem da expressão latina vegetus, que significa "forte, vigoroso, saudável". Esse é o nome dado às dietas baseadas em alimentos de origem vegetal. Ou seja, não vale ingerir carnes, ovos, peixes, leite e derivados.
"Trata-se de um estilo de vida que beneficia não só a própria pessoa, mas também os animais e o meio ambiente", diz o nutricionista George Guimarães. Por isso mesmo, a campanha Segunda-Feira Sem Carne é um sucesso no mundo. E você, o que acha de mudar o cardápio uma vez por semana? Seu corpo, o planeta Terra e os bichinhos agradecem!

Cortar produtos de origem animal ajuda a...

-Evitar câncer
Alimentar-se à base de vegetais reduz as chances de desenvolver carcinoma, um tipo de tumor maligno.

-Perder peso
A dieta vegetariana possui menos calorias e mais fibras.

-Baixar colesterol
Sem ovos, carne, leite e derivados, cai o risco de infartar.

-Ter ossos fortes
A ingestão de proteínas animais em excesso enfraquece os ossos, aumentando os riscos de osteoporose.

3 mitos sobre o vegetarianismo

-Há poucas opções de alimentos
No livro Alimentação Inteligente: A Revolução Diária na Saúde (ed. Senac), o chef Alexandre Pimentel conta que existem cerca de 50 mil plantas comestíveis.

-Faltam nutrientes nas refeições
Combinar vários produtos de origem vegetal fornece todas as fibras, gorduras, proteínas, carboidratos, vitaminas e minerais de que nosso organismo precisa.

-Faz mal às crianças
Se a quantidade de calorias estiver adequada à fase, ela poderá ser vegetariana sem qualquer problema.

Impacto ambiental

. A criação de gado necessita de muito mais água do que as plantações.
. A pecuária está entre as principais responsáveis pela destruição de florestas.
. A abertura de pastos contribui mais para o efeito estufa do que viajar de carro ou de avião! Isso porque ela derruba a mata nativa, diminuindo a quantidade de árvores, que são capazes de filtrar a poluição. O resultado é um planeta cada vez mais quente.
. A poluição resultante da pecuária contamina os rios e os lagos.


2 comentários:

VioGenia disse...

O feito de comer carne me parece natural, o problema é como ben dis, o impacto ambiental que é moito, ademáis das pésimas condicións en que "gardan" ó gando nas grandes industrias ata que o matan para comer, só é gando pero son seres vivos e o pasan mal.

Carlucha disse...

Realmente Vio, a maneira como o gado é abatido, é um problema à parte! A conservação também geralmente é precária e deixa a desejar!
Vivemos em uma época que todo cuidado é pouco em relação a saúde, então, apesar de ser fã de um churrasquinho, procuro comer alimentos mais saudáveis na maior parte do tempo! Se cuida... bjos

Arquivo do blog